Jardins Filtrantes Escola da Cidade Verde (Projeto Fazenda Pau Brazil II)

Ao longo de 2016, a partir de uma doação do Instituto Mahle, a Escola da Cidade, através da Plataforma habita-cidade, avançou com a implantação do que se decidiu chamar, por fim, de Jardins Filtrantes da Escola da Cidade Verde, inicialmente proposto com o nome Fazenda Pau Brazil II em função de uma ação pioneira na cobertura do edifício da Faculdade de Farmácia no Campus Universitário Butantã da USP.

Estudos iniciais apresentados foram revistos e o resultado dessa revisão foi ponto de partida para uma discussão referente à conversão do edifício da Escola da Cidade num organismo verde.

O sentido do movimento iniciado é o de agregar pessoas, sendo a perspectiva de um projeto coletivo uma decorrência sua. Os participantes do processo foram responsáveis por nova revisão no projeto, incluindo a discussão da pegada ecológica dos materiais.

jardfilt1a (2)

Fig. 1 Estudos iniciais dos jardins no Pátio do térreo do edifício da Escola da Cidade

jardfilt2 (1)

Fig. 2 Estudos iniciais para os jardins no terraço do 7o andar do edifício da Escola da Cidade

20160607092408476_0003

Fig. 3 Revisão do projeto dos jardins do Pátio do térreo – material utilizado para iniciar o processo de projeto coletivo

hoje_20161104_0009

Fig. 4 Resultado de nova revisão do projeto dos jardins do Pátio do térreo

hoje_20161104_0003

Fig. 5 Resultado de revisão do projeto para os jardins no terraço do 7o andar